Já imaginou fazer uma jornada pelo maior deserto do mundo guiado pelas estrelas?
Em algum momento da sua vida, você buscará se reencontrar.
Nesta expedição pelo Saara, você irá se desconectar da velocidade frenética da rotina para
reconectar-se com a própria essência da vida.

 

PERÍODO
Setembro de 2018
INÍCIO DA EXPERIÊNCIA
02 a 13 .SET. 2018 ou embarque quando quiser!
DURAÇÃO
12 dias > 11 noites

 

A Avenida Bourguiba

TÚNIS

Na capital da Tunísia, você verá a combinação da arquitetura árabe antiga com a modernidade da metrópole. Com mais de 1,2 milhões de habitantes, Túnis é a cidade mais populosa do país e, além do Souk da Medina (o mercado árabe), um dos grandes destaques da cidade é a Avenida Habib Bourguiba, um local de eventos importantes para a nação. Aqui você verá bandeiras da Tunísia por todos os lados, recordando a Primavera Árabe e a Revolução de Jasmim, que tirou o presidente Ben Ali do comando da nação. Desde 2011, com as eleições livres, o país vem passando por grandes mudanças na sociedade e na cultura. Em 2015, sendo um modelo para o mundo inteiro, a aliança de organizações da sociedade civil que permitiu a revolução pacífica ganhou o Prêmio Nobel da Paz.

 

DOUGGA

Dougga é um sítio arqueológico que fica a noroeste da Tunísia, no vale fértil do Qued Khalled. Lá estão os vestígios do Império Romano na região. As ruínas são impressionantes e, entre os mais famosos monumentos, estão o mausoléu, o capitólio, o teatro e os templos de Saturno e Júpiter. Desde 1997, Dougga é considerado Patrimônio Mundial pela Unesco.

 

 

 

EL DJEM

Você sabia que há um coliseu na Tunísia? O anfiteatro de El Djem foi construído por volta do ano de 238 d.C. em Thydrus (antigo nome de El Djem). O maior coliseu do norte da África – e o segundo maior do mundo depois do romano – está em ótimo estado de conservação e já foi cenário de filmes como A Vida de Brian e Gladiador. O coliseu ilustra a grandeza do Império Romano e é considerado Patrimônio Mundial pela Unesco desde 1979.

 

 

 

MATMATA

Famosa pelas suas tradicionais casas trogloditas – estilo cavernas escavadas na rocha -, Matmata é uma aldeia berbere no sul da Tunísia. Aqui você poderá provar um pão quentinho com azeite de oliva oferecido pelos anfitriões nas casas trogloditas. Os fãs de cinema poderão visitar também Sidi Driss, usado como cenário das filmagens de Star Wars.

 

 

DOUZ

Quem chega na cidade sabe que o Saara está perto, embora ainda não seja possível vê-lo. Conhecida como “o portão de entrada” para o deserto, Douz é uma vila acolhedora e familiar, onde os comerciantes – apesar de usarem jeans e camisetas da moda -, são genuínos beduínos de várias tribos. Eles controlam os mercados populares locais, têm o maior deserto do mundo como seu quintal e, pelas constelações, o percorrem como a palma de suas mãos. É aqui que você embarcará no veículo 4×4 que lhe conduzirá até o início da surpreendente travessia pelo deserto.

 

 

 

TRAVESSIA DO DESERTO

Chegou o momento de se desligar um pouco do mundo. Caminhar pelo deserto é uma experiência única para quem está em busca de novos significados e de si mesmo. Com sabedoria do silêncio, os beduínos conduzem todos os os seus passos pelo Saara, fazendo com que a sua percepção seja potencializada e a contemplação do momento seja inesquecível.
Quando a noite cai, a visibilidade do céu torna-se incrível com uma infinidade de estrelas que brilham no espaço. As conversas são aquecidas ao redor da fogueira, enquanto o pão quentinho vai ficando pronto dentro de um buraco na areia. A jornada termina quando você chega no oásis Ksar Ghilane, onde você poderá escolher entre relaxar nas tendas de luxo, refrescar-se na piscina ou viver mais uma aventura, como dirigir um ATV (quadriciclo off-road) pelas dunas, enquanto aprecia os tons alaranjados do pôr do sol no deserto.

 

 

 

Tozeur

TOZEUR

Este oásis é uma das mais belas cidades da Tunísia. Durante os períodos em que as caravanas de camelos percorriam o Saara, Tozeur era o ponto de parada dos mercadores e viajantes nas suas grandes travessias. Muitas dessas caravanas levavam produtos à mítica Rota da Seda. Aqui você visitará os famosos oásis de Tamerza – onde as fontes de águas naturais formam quedas d’água -, Chebika, com os palmeirais no meio das casas de adobe, e também os cânions fluviais em Mides. A região de Tozeur também foi usada como cenário de grandes produções cinematográficas, como O Paciente Inglês e Star Wars.

 

O TREM RED LIZARD

Já imaginou viajar em um trem que passa por dentro de cânions? Pois, na Tunísia, você pode embarcar no trem Red Lizard (lagarto vermelho, em inglês) para uma jornada através do desfiladeiro de Seldja. Originalmente, o trem foi construído na França no século 19 e, por muito tempo, ele foi usado em Túnis para transporte na cidade. Em 1984, ele foi reformado e reinventado como o Red Lizard. Partindo da pequena cidade de Metlaoui, a viagem dura cerca de uma hora e meia, e vai até Redeyef. Este é um passeio por paisagens deslumbrantes que você não pode perder!

 

 

 

KAIROUAN

 

Considerada uma cidade sagrada pelo Islã, Kairouan foi fundada em 670 d.C. Os muçulmanos que forem até lá, pelo menos, sete vezes ficam dispensados de visitar Meca. A cidade possui um patrimônio arquitetônico interessantíssimo: a Grande Mesquita, a Mesquita das Três Portas, as Cisternas de Aghalabid e o Mausoléu de Sidi Sahab.

 

 

SERVIÇOS INCLUSOS