Com a monumental Cordilheira dos Andes enfeitando o horizonte de Santiago,
você entenderá porque a cidade é uma perfeita combinação de natureza, arte, história e modernidade.
Nesta expedição pelo norte do Chile, você descobrirá um lugar fora do comum, com paisagens
incrivelmente fascinantes e um céu com mais estrelas do que você poderá enxergar.

 

PERÍODO
A ser definido
INÍCIO DA EXPERIÊNCIA
Embarque quando quiser!
DURAÇÃO
08 dias > 07 noites

 

SANTIAGO

Sua viagem começa na capital do Chile, a majestosa Santiago. Uma cidade cosmopolita, cheia de história e arte. Aqui você poderá visitar o Palacio de La Moneda, um prédio do início do século 19 que é sede do governo chileno. Foi aqui que Pinochet deu o golpe de 1973 e a ditadura no Chile começou. Ver a troca de guardas é um momento bem marcante.
Dentro do Parque Metropolitano, fica a Catedral e Cerro San Cristóbal, um morro com uma linda vista panorâmica de Santiago. E essa vista é de tirar o fôlego. Para subir até lá, você pode ir de teleférico, de funicular ou a pé. No parque, também há outras atrações como o zoológico da cidade e o jardim botânico. Também vale a pena visitar a Catedral Metropolitana do Chile – originalmente construída no século 16 – com um estilo neoclássico e fica na Plaza das Armas, e o Mercado Central de Santiago, um passeio que vale muito a pena para quem quer conhecer melhor a cultura e a gastronomia chilena.
Para quem gosta de artes, no Museu de Arte Contemporânea, você poderá ver peças de artistas chilenos e internacionais. Além disso, você poderá visitar uma das casas do poeta Pablo Neruda, a La Chascona (algo como “a descabelada”), que foi construída desordenadamente, numa série de “puxadinhos” que Neruda ia inventando, e o restaurante inspirado no romance “Como Água Para Chocolate” Outro passeio imperdível é a visita ao Sky Costanera, um mirante que fica dentro do shopping Costanera Center. Aqui, neste observatório de 360 graus, você poderá ver – do alto do 61º andar – desde as ruas até a neve das montanhas da Cordilheira dos Andes.

 

 

VALLE DEL COLCHAGUA

Protegido por montanhas por todos os lados, esse vale ensolarado é um ícone da produção vitivinícola no Chile, que foi introduzida aqui pelos jesuítas lá pelo século XVI. Diversas vinícolas embelezam o Valle Del Colchagua e é possível degustar os mais deliciosos vinhos, inclusive o mais famoso da região, feito com a uva Carménère.  
Em Viña Santa Cruz, você irá de teleférico até o topo do morro Chamán, de onde poderá observar as constelações no observatório que leva o mesmo nome. Colchagua é o lugar ideal para quem gosta de um bom vinho e cultura.

 

SÃO PEDRO DE ATACAMA

Um lugar com um astral bem místico, São Pedro de Atacama é mais um vilarejo do que uma cidade que fica na região de Antofagasta. A harmonia de San Pedro com a natureza é palpável. As casas têm apenas um andar e, há séculos, são feitas de uma mistura de barro com palha. Apesar de parecerem frágeis, a durabilidade deste material é grande, já que quase não chove no deserto. Pois é, o lugar mais seco do mundo só é assim pela dificuldade que as nuvens têm de ultrapassar as cordilheiras que o cercam. Aliás, no Deserto do Atacama, a paisagem fará você se sentir como se estivesse na Lua ou em Marte.

Na praça do vilarejo, você poderá visitar a Igreja de San Pedro, que foi construída em 1774 pelos jesuítas espanhóis que colonizaram a região. Lá você também poderá ir até o Museu de Arqueologia R. P. Gustavo de Paige, onde encontram-se cerâmicas e utensílios de ouro com mais de 10 mil anos, o que mostra que a presença humana na região não é nada recente. Estes primeiros povos Incas, Atacameños e Aymaras deixaram seus vestígios tanto no modo de vida quanto no artesanato e na cultura de San Pedro. No Mercado de Artesanato, é possível encontrar artigos confeccionados com técnicas passadas de geração em geração: teares manuais feitos com lã de lhama e alpaca, cerâmica feitas com pedras vulcânica. Além do mais, aqui você poderá comprar o chá de coca que lhe ajudará na aclimatação, já que San Pedro de Atacama está a quase 2.500 metros acima do nível do mar.

Não importa para onde você olhe, você ficará deslumbrado. Dá para ficar sem fôlego ao ver a paisagem lunar da Cordilheira do Sal ou ao adentrar em uma das cavernas do Vale da Lua e o Vale da Morte (onde o pôr do sol é espetacular), ou ao avistar um dos tantos vulcões ainda ativos da Cordilheira dos Andes. O Deserto do Atacama tem muita diversidade: são lagos dos mais belos tons de azul, salares imensos habitados por flamingos – como o Salar de Tebinquiche, o Salar de Atacama e o Salar de Tara -, regiões repletas de cactus gigantes, gêiseres Del Tatio (um espetáculo natural de jatos d’água que emergem da superfície terrestre e podem atingir até 10 metros de altura) e muito mais. Este é um passeio realmente emocionante.

No deserto, você também terá a oportunidade de fazer um passeio de bicicleta pelo deserto e conhecer a Laguna Cejar (conhecida como o “mar morto” das Américas), além das Termas de Puritama – piscinas relaxantes de águas termais bem no meio do deserto – para que você possa se refrescar do calor do local. Já para quem gostar de mais aventura, é possível subir o Vulcão Licancabur (e alguns outros). Essa exploração dura dois dias e é preciso dormir uma noite em barraca para aclimatar e adaptar seu organismo à altura.

 

 

Além disso, você visitará o Pueblo Toconao, conhecido por suas tradicões ancestrais. Ao cair da noite e olhar para o céu, uma imagem ficará gravada em sua memória para sempre. As incontáveis estrelas, constelações e a Via Láctea irão brilhar para você no céu mais limpo do mundo! Acompanhado por um astrônomo local, você ficará encantado pela infinitude do universo.

 

SERVIÇOS INCLUSOS